27.10.09

 
O misterio dos despedimentos colectivos

Segundo a Direcção-Geral do Emprego e das Relações de Trabalho, citada pelo Publico na semana passada, houve 3.603 trabalhadores demitidos atraves de despedimentos colectivos em Portugal nos primeiros nove meses de 2009.

A manchete do Publico ("Despedimentos colectivos aumentaram 39%") e' infeliz - o que e' surpreendente na noticia e' o numero reduzido de trabalhadores envolvidos em despedimentos colectivos, num total de mais de meio milhao de desempregados no pais - nao o crescimento da estatistica, uma vez que a base e' tambem ela reduzida. (Ver aqui um comentario 'a situacao em 2008.)

Do ponto de vista das empresas, nao e' surpreendente o reduzido numero de despedimentos colectivos, uma vez que estes sao caros - um salario base por ano de antiguidade - sobretudo tendo em conta que as empresas interessadas em despedir provavelmente tem forcas de trabalho com niveis de antiguidade bastante acima da media.

Em todo o caso, seria importante explicar a razao do baixo numero de despedimentos colectivos:


Comments: Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?