16.4.11

 
"Convergência nacional em torno do emprego e da coesão social"

Interessante manifesto divulgado hoje e assinado por varias pessoas da esquerda portuguesa, varios dos quais professores em universidades publicas, que defende:

-a promocao do emprego e do crescimento;
-o "escrutínio rigoroso da despesa pública"; e
-a recusa das privatizacoes.

Percebe-se que quem tanto beneficiou do status quo que levou Portugal 'a situacao desastrosa actual queira mudar alguma coisa para que tudo fique na mesma. O "problema" e' que, sem mudar a serio, ja ninguem empresta dinheiro ao Estado - e as dividas a pagar sao brutais.

Pena ainda que em 2010, quando era perfeitamente possivel fazer um "escrutínio rigoroso da despesa pública" para evitar o descalabro actual (como em Espanha se tera tentado fazer), muitos dos subscritores do manifesto defenderam o aumento da "investimento" publico.

PS- Um bom comeco para a correccao dos desequilibrios que levaram 'a situacao actual seria alinhar os vencimentos e reformas de alguns dos subscritores deste manifesto 'as suas reais produtividades. Uma medida que libertaria recursos para aquelas prestacoes sociais que sao verdadeiramente necessarias.

Comments: Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?