2.5.08

 
"Apoios de milhões de euros aos desempregados pouco eficazes"

"Estado gastou milhões de euros nos últimos anos da década passada em apoios aos desempregados com efeitos quase nulos, conclui um estudo realizado pelo Banco de Portugal [...]. Os programas “Inserjovem”, destinado aos jovens desempregados com menos de 25 anos, e o “Reage”, para os restantes desempregados, foram aprovados no primeiro Governo de António Guterres e com Ferro Rodrigues à frente do Ministério do Trabalho. Em 1999, estes dois programas absorveram 90 milhões de euros e geraram um balanço “muito limitado”, que se traduziu numa “pequena redução (12 dias)” da duração média do desemprego, escrevem Luís Centeno, Mário Centeno e Álvaro Novo no referido relatório." (Publico de hoje)

O paper esta aqui.

Comments: Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?